Sexta-Feira | 5 de Setembro de 2014 | 8h19

Julião Arquitetos e Associados conquista prêmio Master Imobiliário

 

O escritório Julião Arquitetos e Associados comemora a conquista do Prêmio Master Imobiliário na categoria Retrofit, com o projeto Edifício 740 Anastácio, realizado para a Hines do Brasil. Em sua 20ª edição, essa é a maior premiação do mercado imobiliário brasileiro. A empresa capitaneada pelo arquiteto Ricardo Julião ganha este prêmio no momento em que também celebra seus 36 anos de atividades no País. (Vejaaqui depoimentos de profissionais do escritório Julião Arquitetos e Associados sobre projeto premiado).

O prêmio Master Imobiliário é promovido pelo Capítulo Brasileiro da Federação Internacional das Profissões Imobiliárias (Fiabci/Brasil) e o Sindicato da Habitação (Secovi-SP). Neste ano, consagrou os 20 vencedores em noite de gala, com cerimônia realizada nesta segunda-feira, 1º de setembro, na Sala São Paulo, na capital paulista.

De acordo com o júri do Master Imobiliário, o escritório Julião Arquitetos e Associados conquistou o prêmio na categoria Retrofit porque, o projeto do Edifício 740 Anastácio utiliza tecnologia de ponta, privilegia a luz natural e integra espaços internos com paisagismo externo. “O ambicioso e bem concebido projeto transformou um ultrapassado edifício horizontal em um Classe A”, justificou o júri.

Para Ricardo Julião, o prêmio foi conquistado principalmente porque o projeto respeitou todas as características originais do edifício projetado na década de 1970 pelo arquiteto Mauricio Kogan. “Mantivemos as peculiaridades positivas do edifício, inserindo, porém, novas tecnologias, para adequá-lo às atuais realidades do mercado. Tudo isso sem agredir a sua bela arquitetura”, diz.

O arquiteto explica que todo o trabalho realizado por sua equipe levou em conta, principalmente, o fato de o edifício estar localizado no meio de um parque. “A vegetação no entorno do edifício é significativa, fantástica, e precisava ser valorizada. Além disso, o prédio é mais horizontalizado, tem um grande pátio central com uma cobertura retrátil que proporciona luz e ventilação naturais para seu interior”, afirma. “Esse é um trabalho que considero uma gentileza urbana, por respeitar o entorno e não ter negado as características positivas do que foi idealizado pelo arquiteto Maurício Kogan nos anos 1970”, Julião finaliza.

 

Benny Finz, da Hines do Brasil, também comemora a conquista do prêmio: “É um orgulho e uma satisfação, pois a premiação contempla os melhores do mercado e representa a excelência do trabalho, laureando os esforços de todas as equipes envolvidas no trabalho”.

36 anos de história

Ao longo de sua trajetória de 36 anos de atuação, o escritório Julião Arquitetos e Associados tem como marcas registradas a união de atributos como sensibilidade, conhecimento técnico e sinceridade nas relações com seus clientes para a realização de projetos personalizados, feitos um a um sob medida para as necessidades específicas de cada cliente. Seus trabalhos unem o conhecimento técnico e a experiência de Ricardo Julião, com a jovialidade de uma equipe formada por aproximadamente 150 colaboradores, entre os quais se destacam os sócios Márcia Julião e Hélio Nakagawa, e os associados André Santos, Arthur Silva, Carolina Watzko, Christiane Palma, Lucas Marcolini, Michelle Maggi e Thiago Lorente.

Seu portfólio inclui o desenvolvimento de mais de 400 projetos de arquitetura, arquitetura de interiores e urbanismo para fins comerciais e residenciais. Entre seus trabalhos mais emblemáticos estão o Edifício Dacon e o Hotel Pullman, ambos em São Paulo; o Hotel Transamérica da Ilha de Comandatuba, na Bahia; e o West Towers, duas grandes torres na entrada de Alphaville. Também projetou inúmeras residências em várias localidades do Brasil.

 

 
comentar

últimos comentarios

Seja o primeiro a comentar, complete o formulário ao lado e dê sua opinião.