Informes - CNB

Diário dos Concursos de Beleza CNB

12 de Setembro de 2019

Por Tamara Almeida e Henrique Fontes

Hoje o nosso Diário traz para você uma matéria especial e exclusiva, com reflexões de duas misses Brasil separadas por 1 década nos seus momentos de coroação: Elís Miele e Luciana Bertolini. Ambas são mineiras, mas representaram outros estados na disputa do título de Miss Brasil Mundo. Luciana levou a faixa de Roraima, enquanto Elís foi eleita a mais bela brasileira de 2019 pelo Espírito Santo. Elas têm em comum a presença de Deus em suas vidas, além da beleza, da doçura e da inteligência que as caracteriza. Enquanto Elís vive a alegria de uma jornada que se inicia, Luciana pondera sobre a última década e como o concurso mudou sua vida. As fotos da atual Miss Brasil Mundo, são exclusivas e foram tiradas pelo fotógrafo Aliram Campos na manhã após a sua eleição, durante o seu café da manhã real. Confira:

Elís Miele - Miss Brasil Mundo 2019
 

"A vida é um jogo, e para vencermos os obstáculos por ela impostos, precisamos reconhecer que a derrota também faz parte da preparação para a vitória. 

Comecei a minha trajetória no mundo da beleza aos 13 anos, desde sempre vaidosa, apaixonada por salto alto, maquiagem e fotografia. Ao longo desses 7 anos, sempre corri atrás dos meus objetivos dentro das minhas limitações: meu pai é motorista, minha mãe vendedora, e eu sonhadora! 

No ano passado precisei vender rifas para participar do Miss Minas Gerais Be Emotion, pois eles não tinham condições de arcar com os gastos, ainda que independente do financeiro, sempre me apoiaram, e a vontade de vencer na vida sempre nos fez buscar vôos mais altos. Conquistei o título de Miss Minas Gerais Be Emotion 2018, representei Minas Gerais no nacional, classifiquei no Top 15. 

Meses depois, após ter passado a minha faixa estadual para Júlia Horta, quem seria eleita Miss Brasil Be Emotion 2019, recebi do coordenador capixaba Alexandre Araújo o convite para representar Espírito Santo no Miss Brasil Mundo. Consultei a minha família, e como sempre, todos me apoiaram. Coloquei este novo objetivo nas mãos de Deus e pedi a Ele que me desse paz, tranquilidade e fizesse a vontade Dele na minha vida! 

Durante o confinamento, jejum e oração me acompanharam, e no dia da final eu me senti tão leve e tão serena, que só Deus poderia explicar aqueles sentimentos. Por fim, fui agraciada com o título de Miss Brasil Mundo 2019, competindo com outras 41 jovens sonhadoras, abençoadas e lindas, por dentro e por fora.

Muitos me perguntaram se eu tinha expectativas, se eu achava que iria ganhar, e eu sempre dizia a mesma coisa: “Não crio expectativas, pois gosto de ser surpreendida. Apenas dou o meu melhor e deixo Deus realizar a Sua obra, da forma que Ele acredita ser melhor para mim”. 

Precisei perder (no Miss Brasil Be Emotion 2018) para amadurecer, compreender que tem o tempo certo para tudo, e que somos moldados diariamente para quando recebermos a graça, estarmos prontos para conduzi-la. Os meus valores e princípios vieram da família, e o maior deles é a humildade, tal qual é a chave para o sucesso. 

Um dos diferenciais do Miss Brasil Mundo é o Beleza Pelo Bem, a possibilidade que temos de fazer o bem ao próximo como misses. Ajudar mulheres com câncer é o meu projeto e agora irei expandi-lo. Quem quiser e puder, fará parte dele, em algo ainda maior, como Miss Brasil Mundo. Sim, nós podemos fazer a diferença na vida das pessoas. Isso torna qualquer pessoa verdadeiramente bela.

Hoje represento não só minha mãe, as ipatinguenses, as mineiras e as capixabas. Hoje represento todas as mulheres brasileiras, e dedico o meu título a todas elas, com suas lutas diárias, mas sobretudo, com seus sonhos e realizações! Juntas, somos muito mais.

Uma nova jornada se inicia, com muito amor. 

Nos vemos em Londres, no Miss World 2019! ❤” Elis Miele.

Luciana Bertolini, Miss Brasil Mundo 2009

"O ano de 2009 foi um marco na minha história e o título de Miss Brasil Mundo foi uma conquista e um desafio maravilhosos! Me senti acolhida em uma grade e nova família e toda a experiência como miss me fez descobrir em mim uma força que estava escondida. Conheci 9 países, lugares maravilhosos, culturas incríveis. Fiz amizades com mulheres e pessoas em geral de mais de 100 nacionalidades, participei de eventos grandiosos como a Copa do Mundo em 2010, na África do Sul, como convidada da FIFA, abracei, com muito amor, uma causa ambiental. Soube o que é ser chamada de BRASIL e a emoção que isso causa.

Posso dizer que vivi uns três anos em um! Tudo foi intenso durante o meu reinado, as viagens, agendas, trabalhos e também as emoções. Passei por situações inusitadas, como ver a minha mala com todos os meus calçados desviada, justo quando competia no Miss Mundo, ou ter meu quarto invadido por macacos arruaceiros, na África do Sul! Lembro até hoje da Miss Angola, minha companheira de quarto, saindo pelos corredores do hotel, seminua, correndo atrás de um macaquinho que pegou um objeto da sua mala e saiu como um raio pela janela!

Olhando para trás, hoje posso dizer que o que mais aprendi neste tempo, foi equilibrar as minhas emoções para não ir de um extremo ao outro despreparada para este impacto. A queda pode ser violenta. Há na vida de miss uma parte difícil e pouco falada: o estresse, o efeito das cobranças e críticas, a exaustão, as lágrimas, os conflitos. Tudo aquilo que, um dia, nos damos conta foi essencial para o nosso crescimento pessoal e amadurecimento. Podemos tirar algo bom de tudo! 

Quando passei a faixa e a coroa, vivi alguns meses de luto. É estranho entregar o posto, mas até isso me ensinou, para que eu soubesse onde depositar meu valor. 

Os dez anos seguintes também foram maravilhosos! Em 2010 conheci meu marido, casei em março do ano de 2012. 

Trabalhei na televisão ao lado dele, apresentando um programa ao vivo na Rede Super (de Minas Gerais) durante três anos. Engravidei em 2013. Hoje minha filha Valentina está com 5 anos e é maior presente que Deus nos deu.

Em 2017, realizei mais um sonho: morar nos EUA. Estamos em Orlando, Flórida. Somos pastores da Link Church e tenho muitos projetos para executar por aqui. Amo minha vida, minha família, sou diariamente grata a Deus por tudo o que vivi e ainda tenho por viver.

Posso dizer que o Miss Brasil Mundo me proporcionou muitas oportunidades e até hoje carrego comigo, com muito amor, esse título. Valeu a pena cada experiência!". Luciana Bertolini, Miss Brasil Mundo 2009.

Comentários
Assista ao vídeo