Cultura - Teatro

Mostra Espontânea realizará estreia de três espetáculos de improviso no Teatro dos Arcos

19 de Julho de 2018

A Mostra Espontânea acontecerá no Teatro dos Arcos, realizando a temporada de três espetáculos de improviso no período de agosto a dezembro deste ano, com entrada grátis. O objetivo do projeto é estimular a pesquisa deste gênero teatral no Brasil. O espetáculo “Haroldo”, com direção de Ian Soffredini e Gui Neves, marca o início do projeto e estreia no dia 02 de agosto. A temporada acontecerá até 20 de setembro, com sessões às quintas-feiras.

O título “Haroldo” faz referência a Harold, uma estrutura do teatro de improviso de longa duração desenvolvido pelo ator, improvisador e professor americano Del Close. Os diretores Ian Soffredini e Gui Neves realizam o trabalho nos mesmos moldes, com improvisação sem interrupções chamada long form.

Ian Soffredini e Gui Neves trabalham com um grupo de experientes improvisadores, que farão as apresentações num esquema de rodízio, sempre com acompanhamento musical ao vivo. Haverá também a participação de youtubers convidados. A cada noite o grupo apresentará dois espetáculos com inspiração em palavras sugeridas pelo público. “O tema é surpresa. Mas já sabemos que faremos espetáculos cômicos e com bastante vivacidade”, adianta o diretor Ian Soffredini.

Oficinas de improvisação gratuitas – A Mostra Espontânea também realizará seis oficinas de improvisação gratuitas para atores e público em geral, interessados na arte da improvisação cênica. As oficinas acontecerão no Teatro dos Arcos aos sábados, das 15h às 18h, nos dias 25 de agosto; 15 e 29 de setembro; 13 e 27 de outubro; e 10 de novembro. As inscrições já podem ser feitas através do e-mail contato@teatrodosarcos.com.br.

A oficina intitulada “Aceitação e Espontaneidade”, ministrada por Ian Soffredini, tem o objetivo de apresentar os princípios fundamentais da improvisação teatral: a capacidade de aceitação dos estímulos em cena, disponibilidade em cena e uma atitude positiva frente às propostas e oportunidades apresentadas no jogo teatral. O estado de prontidão demanda espontaneidade para lidar com o imprevisto.

“A improvisação é uma ferramenta muito importante para qualquer tipo de trabalho em equipe, em especial o teatro, pois condiciona a pessoa a estar atenta à proposta dos companheiros de cena ou trabalho, sem esperar deles um comportamento específico ou considerado ‘adequado’. Pelo contrário, cria um estado de prontidão para a construção coletiva a partir do que é proposto”, explica Ian.

SOBRE A MOSTRA ESPONTÂNEA

O projeto é realizado para contribuir com a pesquisa de Improvisação Brasileira e para estimular novas criações. Improvisadores experientes se reúnem para aprofundar os estudos dos mais relevantes métodos de improvisação do cenário mundial na atualidade.

Além do espetáculo “Haroldo”, a programação incluirá os espetáculos “Script”, inspirado na estética de cinema, e “Sigo de Volta”, que pretende interagir com usuários do Instagram.

Todas as apresentações serão gravadas e o conteúdo disponibilizado no Youtube.

Usando os recursos tecnológicos, como, aplicativos de rede social e exibição de conteúdo on line, o projeto aproxima o público jovem da tradição da improvisação cênica. “A Improvisação foi crucial para os grandes avanços históricos do teatro e continua sendo ferramenta para novas criações”, diz Ian Soffredini. Durante a realização do projeto, o público poderá acompanhar as novidades através dos perfis nas redes sociais: Facebook e Instagram.

Comentários
Programa Compartilha Brasil