Colunistas - Zacarias Pagnanelli

Diretor do DSV esclarece questões de trânsito em São Paulo

14 de Março de 2018

No início de março, Zacarias Pagnanelli fez uma visita institucional ao diretor do Departamento de Operação do Sistema Viário (DSV), Edson Caram, que esclareceu diversos processos praticados pela organização.

Zacarias Pagnanelli e Edson Caram
Crédito: Bianca Oliveira

A pauta central da reunião foi a insenção do rodízio municipal em casos específicos. A Lei Municipal de São Paulo nº 12.490, de 1997, que autoriza o Executivo a implantar o Programa de Restrição ao Trânsito de Veículos Automotores no Município, estabelece em seu Artigo 5º a exceção de alguns veículos, como: ambulâncias, policiamento e corpo de bombeiros, alguns transportes ligados a atividades hospitalares, imprensa e veículos dirigidos por pessoas portadoras de deficiência ou por quem as transportem, entre outros.

Edson Caram enfatizou o processo de desburocratização e organização que vem tentado implementar no DSV desde que assumiu  o cargo de diretor em janeiro de 2017. Segundo ele, o Requerimento de Defesa da Autuação, quando um condutor quer recorrer de uma multa que considera irregular, é um dos serviços que passou por melhorias.

"O que importa é o conteúdo e não a consistência do auto. Porque complicar e desgastar o usuário?", explica Caram.

O diretor tirou dúvidas também sobre a regularização de vagas de idosos. Qualquer estabelecimento que queira direcionar algumas vagas de estacionamento para públicos preferênciais, seja estabelecimento comercial ou condomínios residenciais, basta fazer o cadastro junto ao DSV e orientar-se sobre a sinalização correta. Somente dessa maneira o departamento de trânsito terá autorização para autuar as infrações.

Divulgação

O Cartão Azul Digital também foi assunto da visita institucional.  Nesse caso, a tecnologia veio para facilitar a vida dos motoristas de São Paulo na hora de usar as vagas de Zona Azul. Para ajudar ainda mais, Caram instituiu 15 minutos de tolerância (para mais ou para menos) em caso de autuação.

Confira no vídeo abaixo como funciona o Cartão Azul Digital:

 

Comentários
Programa Compartilha Brasil