Colaboradores - Fabiano de Abreu

O. J. Simpson, a confissão perdida: Ex-jogador dá detalhes de como teria matado esposa

13 de Março de 2018

O famoso caso Oj Simpson continua rendendo assunto até hoje, quase 24 anos após o acontecido. O ex-jogador de futebol americano, que na época era um dos mais conhecidos e valorizados na américa, viu sua carreira e vida afundarem, após ser acusado de matar sua ex-esposa. O caso que há muito tempo permaneceu sem respostas e dividiu o mundo entre os que acreditavam na inocência e nos que acreditavam na culpa de OJ, ganha nesta semana mais um capítulo polêmico.

O canal Fox nos Estados Unidos, divulgou ontem (12), uma entrevista onde o ex-jogador faz uma espécie de confissão de que teria sido realmente o autor da morte da modelo Nicole Brown (ex-esposa) e seu namorado Ronald Goldman. OJ teria recebido o montante de US$ 3,5 milhões de dólares, o equivalente a 12 milhões de reais pela entrevista para contar detalhes do crime. De acordo com o site Inquistr, a quantia foi paga a Simpson em 2006, quando a entrevista foi gravada.

Nicole Brown e Ron Goldman morreram esfaqueados na casa da moça, em 1994.

Na entrevista, O.J. revela que esteve na casa de Nicole Brown (local dos assassinatos) em 12 de junho de 1994, ao lado de um amigo chamado Charlie. Enquanto ele estava lá, Ron chegou para devolver os óculos da loira. "Hipoteticamente, eu coloquei um chapeu e luvas. E tinha uma faca no meu carro, caso pessoas loucas aparecessem. [Quando Goldman chegou] Charlie trouxe a faca e, momentos depois, Ron começou a querer brigar comigo. Peguei a faca e, honestamente, nem lembro do que aconteceu depois, só que estava lá de pé e tudo estava cercado de sangue. Não acredito que duas pessoas poderiam ter morrido daquela maneira sem tudo estar coberto por sangue." Ele ainda admitiu que se livrou das roupas que usava. Hipotéticamente, ele afirma.

Na época, Oj foi inocentado das acusações. Às vésperas de sua exibição em 2006, o programa foi cancelado por pedido das famílias das vítimas. O vídeo recebeu o título de O.J. Simpson: The Lost Confession (O.J. Simpson: A Confissão Perdida, em tradução livre) e a entrevista foi concedida à apresentadora Judith Regan.

Comentários
Programa Compartilha Brasil