Sexta-Feira | 17 de Novembro de 2017 | 17h39

Grande final do Miss Mundo 2017 direto da paradisíaca ilha de Sanya na China

Por Tamara Almeida

Esta será a 67a edição do tradicional concurso de beleza feminino internacional Miss Mundo, este ano com realização em Sanya, na China. São 118 candidatas de todos os continentes em busca da coroa e do título que pertencem atualmente à Stephanie del Valle, de Porto Rico. O evento teve duração aproximada de um mês, com etapas preliminares, visitas, desfiles e jantares beneficentes. A grande final da competição vai acontecer no dia 18 novembro às 9:30 horas da manhã (horário de Brasília) direto da Sanya City Arena.

 

A nossa representante no Miss Mundo é Gabrielle Vilela, do estado do Rio de Janeiro. Ela foi eleita no Concurso Nacional de Beleza 2017. Gabrielle tem 25 anos, 1,72 m de altura e estuda Publicidade.

Dos 118 projetos sociais apresentados pelas candidatas ao título de Miss Mundo 2017, apenas 20 foram selecionados para a fase final da disputa do prêmio Beleza com Propósito, que garante uma vaga no Top 40 do concurso. O projeto social da nossa Miss Brasil Mundo, Gabrielle Vilela, é um dos classificados.

Além de levar água encanada e potável e eletricidade para aldeia indígena Guarani Sapukai, localizada no município de Angra dos Reis, com apoio da prefeitura local, a Miss Brasil Mundo realizou diversas ações na instituição Pella Bethânia, em Taquari. Tudo isso, além de ser embaixadora da luta contra a hanseníase no Brasil!

Gabrielle também foi finalista da prova Top Model vestindo criações de estilistas chineses e do estilista gaúcho Flávio Soares que também é o responsável pelo vestido que a brasileira usará na final.

Taiana Miotto Brand foi a marca responsável por vestir Gabrielle nas diversas atividades do Miss Mundo durante todo o concurso, a marca é comprometida com a sustentabilidade, revisita clássicos com olhar contemporâneo, e cria peças de forma artesanal em ateliê próprio, com os melhores tecidos do mercado.

Ela está bastante cotada para brigar pelo título que não vem para o Brasil desde 1971, quando Lucia Petterle, também do Rio de Janeiro, venceu. Se ganhar, a brasileira assinará com a Miss World Organization um contrato de 1 ano no valor aproximado de R$ 320.000 (trezentos e vinte mil reais). A Miss Mundo viaja pelo planeta angariando fundos para causas sociais, sob o lema de Beleza com Propósito.

Outras favoritas ao título são as Misses Índia, Estados Unidos, México e França.

Assista ao vídeo:

Conseguiram classificação nesta prova as Misses Austrália, Ilhas Virgens Britânicas, Brasil, Ilhas Cook, Inglaterra, Fiji, França, Índia, Indonésia, Mongólia, Nepal, Nova Zelândia, Filipinas, Rússia, Eslováquia, África do Sul, Tanzânia, Tailândia, Vietnã e Zimbábue. O projeto brasileiro é o único classificado nas Américas.

Os vídeos dos 20 projetos selecionados podem ser vistos aqui:

Agradecimento aos editores do belo filme da Miss Brasil Mundo: Raulf Silva Filmes, Associação Beneficente Pella Bethânia, Livi Treinamento e Alexander Gonzales e Equipe.

Agora é torcer pela nossa Miss Brasil Mundo! Boa sorte Gabrielle Vilela.

comentar

últimos comentarios

Seja o primeiro a comentar, complete o formulário ao lado e dê sua opinião.