Quinta-Feira | 19 de Outubro de 2017 | 15h59

Fábio de Mello faz show em SP e emociona o público presente

Por Tânia Voss

Considerado um dos padres mais amados e populares de todo Brasil, Fábio de Mello esteve em São Paulo, com o show “A Estrada Sou Eu”. Em turnê por todo o país o padre emociona e faz o público chorar através das palavras sábias e canções que entram na alma de seus seguidores.

 

Atualmente passa por momentos conturbados e faz uma tratamento para depressão. Em setembro do ano passado, perdeu sua irmã de forma trágica, ela suicidou-se, e confessa que, de dois anos pra cá, sua saúde psicológica está sensível e que ainda não está curado.

"Aquilo que está mais a flor da pele, tá muito associado a nossa falta de conhecimento.

O que eu mais preciso é muito mais profundo do que eu quero..... Muitas vezes a minha oração é uma expressão pobre daquilo que eu quero, o olhar mais profundo que eu possa receber da vida é o olhar de Deus, os olhos de Deus repercutem em mim quando eu aprendo a ouvir. Deus me dá o que eu preciso", contou o padre.

 

"As vezes o próprio tempo se encarrega, de desmentir o que a gente queria.....você leva um Não da vida, é daquela forma que tinha que acontecer. Deus me protege porque me ama e me protege quando diz não. Ele chega ao núcleo da minha necessidade", disse ele.

"Tenho pedido a Deus essa graça de conceder a ele o comando de tudo aquilo que eu sou, que  não preste muito atenção no que eu quero .Mas que Ele conceda o que eu necessito...... Os dois últimos meses, foram os mais difíceis da minha vida, com a Síndrome do Pânico". Eu que tive medo de ser quem eu sou, de crer no que eu creio, a Síndrome do Pânico me jogou no lado escuro da vida, que eu nunca imaginei que um dia eu iria habitar. Mas ainda não estou curado", explicou Fábio de Melo.

Desta forma emocionante, o padre contou suas crises e demonstrou toda sua força e fé, dizendo que a batalha continua. Um exemplo de ser humano que abriu seu coração ao público fiel. Levantou os fãs com sua variação de estilos musicais e deixou saudades.

Em traje moderno, terno preto bem cortado e vaidoso,  padre Fábio passa sua mensagem e carrega multidões por onde se apresenta, sempre lotando os lugares. Um fenômeno da evangelização pela arte.

Seu repertório tem sucessos da carreira e clássicos da MPB. Interpretou, dançou e evangelizou com músicas como: “Derrama o seu amor por aqui”, “Tudo é do Pai”,“Romaria”, "Trem bala", "Amor pra recomeçar", do Frejat e muitos outros sucessos. Elaine Mickely, atriz e esposa de César Filho, estava presente com a família.

 

Uma carreira brilhante. Sacerdote, professor universitário, graduado em Filosofia e Teologia, pós-graduado em Educação e em Teologia Sistemática, escritor, cantor, compositor e apresentador.

No total são 20 trabalhos gravados e repertórios que valorizam a religiosidade e cultura, suas composições são poesias, com uma roupagem e ritmos modernos. É autor de obras-primas de nossa literatura como: “Quem me roubou de mim”, “Tempo: Saudades e Esquecimentos”, “Quando o sofrimento bater à sua porta”, “Amigo: somos muitos, mesmo sendo dois”, “Orfandades” e “Tempos de Espera”, sempre entre os mais vendidos no Brasil.

Nasceu em Formiga, Minas Gerais, em 03 de Abril de 1971, fruto da união do pedreiro Dorinato Bias Silva e da dona de casa, Ana Maria de Melo Silva, sendo o caçula de oito irmãos.

Desde criança, sua vocação para a arte, foi percebida e incentivada pelo pai violeiro. Posteriormente, aos 16 anos, já no seminário, colocou-a a serviço da fé.

Padre Fábio é sucesso de audiência na Rede Canção Nova de Televisão, como apresentador do programa Direção Espiritual, que vai ao ar nas noites de quarta-feira.

Ordenado sacerdote em 2001, pela imposição das mãos de Dom Alberto Taveira, na Congregação dos Padres do Sagrado Coração de Jesus (congregação do Padre. Zezinho, precursor dos padres cantores na década de 60), atua, hoje, na Diocese de Taubaté, São Paulo.

No final do espetáculo, no Tom Brasil, abençoou todos os presentes com uma prece de arrepiar. Realmente o padre fala com a nossa alma. Muita emoção no ar.

Além da beleza e postura física, admirada por todos, o padre carrega um talento único e palavras de fé que acalmam os mais aflitos. Sabedoria, muita devoção e dedicação, marcam a vida e carreira do padre mais querido do Brasil.

Texto e fotos: Tânia Voss (Colaboradora do Cartão de Visita)

comentar

últimos comentarios

Seja o primeiro a comentar, complete o formulário ao lado e dê sua opinião.