Segunda-Feira | 21 de Agosto de 2017 | 14h32

Sintomas da menopausa podem ser amenizados

 

Novo fitoterápico ameniza sintomas da menopausa

Medicamento produzido pela Natulab tem princípio ativo extraído da soja

A menopausa é um período fisiológico na vida da mulher que começa após a última menstruação espontânea. Os incômodos desta fase afetam 70% da população feminina durante o climatério – transição do período reprodutivo ou fértil para o não reprodutivo –, e levam a uma queda significativa da qualidade de vida, segundo a Organização Mundial de Saúde. A Natulab, empresa líder na produção e venda de medicamentos fitoterápicos no Brasil, levará às farmácias, a partir de setembro, o Pausefemme, que diminui os sintomas e incômodos da menopausa, como ondas de calor no corpo e no rosto (fogachos), e crises de sudorese noturna.

As transformações ocasionadas pela menopausa no organismo feminino aumentam a possibilidade de aparecimento e agravamento de doenças devido à baixa produtividade dos hormônios estrogênio e progesterona. Em média, isso ocorre entre os 45 e 55 anos. “As isoflavonas de soja presentes no Pausefemme têm ações semelhantes aos hormônios reprodutivos femininos nos vasos sanguíneos e, por isso, ameniza os principais sintomas da menopausa”, explica Sylvia Granziera, gerente de marcas da Natulab.

O princípio ativo de Pausefemme é o Glycine max. “O uso deste princípio ativo é uma opção às mulheres com contraindicação a métodos hormonais ou àquelas que desejam um tratamento não hormonal e de eficácia comprovada para alívio dos sintomas do climatério”, define Sylvia. O Pausefemme é um medicamento isento de prescrição médica.

comentar

últimos comentarios

Seja o primeiro a comentar, complete o formulário ao lado e dê sua opinião.