Sexta-Feira | 14 de Julho de 2017 | 12h27

Assista ao Arena de Negócios - Edição 07

 

Conjugue o verbo certo!

Em 2015, recebi um convite do Clube mais charmoso do Facebook (o clube das borboletas) para realizar o primeiro evento direcionado as empreendedoras do espaço, e com um frio na barriga, lá estava eu em minha primeira rodada de negócios e que delícia que foi... aconteceram múltiplas experiências, aprendizados e laços ali se formaram. De parcerias e amizades, de pessoas lindas que me acompanham bem de perto até hoje! Dois anos se passaram e lá estava a Marlene sendo convocada para falar dos desafios do empreendedorismo.. .mais magra e mais experiente!

Até então, expor seus desafios e de como você comemora o Sim e lida com o Não é algo fácil, difícil é você aguentar o conjunto de emoções que te envolvem diante desses reflexos, principalmente por que a sua demanda de compromissos é sempre maior que a de investimentos e para ajudar contamos com nosso querido e irresoluto cenário econômico!

Ainda Em 2015 eu apresentei um trecho de um desenho que eu amava do Lippy e Hardy ( o leão e a hiena) que mostrava que todo o otimismo que o leão tinha era sugado pelas reclamações da hiena, se essa ideia foi transferida para uma animação fictícia, sem dúvidas na realidade isso é muito comum e verdadeiro! E você se lembra como você estava há dois anos atrás nos negócios? É verdade que muita coisa negativa aconteceu, mas não podemos desprezar as boas mesmo que em menor número! E para que mais coisas boas surjam, aconteçam você precisa conjugar o verbo certo!

EU POSSO

TU SERÁS GRANDE

ELE/ELA VENCE

NOS TRANSFORMAREMOS

VOS SEREIS BEM SUCEDIDO

ELES/ELAS SUPERARÃO

Não importa a ordem, os pretéritos, proferir coisas boas atraem coisas boas, isso é o que diz a ciência, na física quântica! (Que eu substituo pela fé).  Nessa edição do borbobusiness saí mais madura e decidida, principalmente por conta do desafio que foi lançado para 2018, uma meta provocante!#bororbusiness2018 #100000000 #arenadenegocios!

 

Em 2018 teremos que transformar esse número 100000000 (de um milhão) em seguidores, em contratos fechados, em revisões de conceitos para alcançarmos o pódio! E eu sei que você de repente não acredita que pode, e eu te respeito! ( e você se pergunta: - “ como eu vou conseguir um milhão se a minha empresa é pequena, eu vendo salgadinho, balinha, marmitinha”...tudo no diminutivo inho e inha) entenda que se houver pessoas que te impulsionam a conquistar, mesmo que você não bata a meta e chegue nos 30,50, 100 nos 300 nos 500 mil seguidores, contratos e revisões, você já avançou em tanto!  Mas se ainda assim você não acredita em você eu lamento te falar que você vai ficar para trás, pelo menos acredite em mim... porque eu sei que estou no caminho certo!

Agora dá aquele play no programa dessa semana e confira histórias de mulheres anônimas que aqui no interior paulista fazem a diferença quando o assunto é empreendedorismo feminino!

 
comentar

últimos comentarios

Seja o primeiro a comentar, complete o formulário ao lado e dê sua opinião.