Quarta-Feira | 21 de Junho de 2017 | 11h5

ADESG/SP DOA MEDICAMENTOS PARA ÍNDIOS YANOMAMIS

A Delegacia de São Paulo da Associação dos Diplomados da Escola Superior de Guerra, no último dia 13 de junho, embarcou medicamentos em aeronave da  FAB com destino ao Comando Militar da Amazônia em Manaus.

Divulgação

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Trata-se  de doação para atender os distantes índios Yanomamis de Surucucu em Roraima, há 440 quilômetros de Boa Vista, na fronteira da Venezuela. A doação é gesto de retribuição à visita do Curso de Política e Estratégia da ADESG paulista em novembro de 2016, realizada aquele grande Comando da Força Terrestre que garante a assistência médica e social às etnias nativas da selva amazônica.

O que é a região de Surucucu

Em Roraima, militares do 4º Pelotão Especial de Fronteira atendem indígenas da região do Surucucu, localizada a 400 quilômetros de Boa Vista, a noroeste do estado, fronteira com a Venezuela. Eles são atendidos na enfermaria da base militar, onde chegam com problemas de desnutrição e ferimentos. Os militares prestam apoio à equipe de assistência médica - médico, dentista e farmacêutico -e ajudam com as doações de m aterial, alimento e roupas.

O acesso à região do Surucucu é difícil e só se chega ao local de avião, partindo da Base Aérea de Boa Vista. É preciso sobrevoar nove milhões de hectares de floresta, serras e montanhas. Outra dificuldade enfrentada é a comunicação entre médicos e pacientes, mas um dos militares, que também é indígena, ajuda nessa tarefa.

comentar

últimos comentarios

Seja o primeiro a comentar, complete o formulário ao lado e dê sua opinião.