Terça-Feira | 9 de Maio de 2017 | 11h34

Empresa de segurança eletrônica fatura mais de R$ 50 milhões por ano

Em 2017, MADIS pretende chegar ao faturamento de R$ 58 milhões com soluções completas para a Gestão de Ponto e  Controle de acesso de pessoas em empresas, hospitais, escolas e estacionamentos

 

O Sindicato das Empresas de Sistemas Eletrônicos de Segurança do Estado de São Paulo (SIESE - SP) divulgou que em 2016 o setor de segurança eletrônica movimentou mais de U$$ 900 milhões. Para este ano, há uma expectativa que o mercado paulista mantenha os bons resultados e consiga um crescimento de pelo menos 5% em relação ao ano anterior.

 

Partindo da boa fase do mercado, a MADIS pretende faturar com seus equipamentos de segurança R$ 58 milhões em 2017. Em 2016, os número já ultrapassaram as margens dos R$ 51 milhões. A empresa fornece soluções completas de software, hardware e firmware para o Controle de Ponto, Controle de Acesso, Estacionamento e Gestão Escolar. Com os serviços, os clientes da empresa ficam mais seguros e certos de que estão protegidos 24h por dia. “Somos uma empresa tradicional que está se adaptando às novas tecnologias. Hoje, conseguimos fazer o monitoramento e o controle de pessoas de diversas maneiras. Temos serviços que vão desde o controle de ponto de funcionários de uma empresa até a entrada e saída de pessoas de ambientes por biometria e reconhecimento de face”, diz Rodrigo Pimenta, vice-presidente da empresa.


Ainda neste ano, a MADIS aparece novamente como uma das pioneiras na criação do Ponto Mobile, um aplicativo que permitirá que gestores acompanhem e gerenciem seus colaboradores através de smartphones, tablet ou notebook. Ele estará disponível para plataformas Android e IOS em breve. Para conhecer todos os produtos oferecidos pela empresa acessehttp://www.madis.com.br.

 

comentar

últimos comentarios

Seja o primeiro a comentar, complete o formulário ao lado e dê sua opinião.