Segunda-Feira | 10 de Abril de 2017 | 17h44

Encontro com o amigo Amado Batista

Há aproximadamente 25 anos, Amado Batista gravou um disco em espanhol, não lançado até então. Na época, tinha o sonho de fazer uma carreira internacional, viajou para o México e passou um mês para gravar este álbum. O cantor e a antiga gravadora ainda possuem este material gravado.

Crédito: Karina Lajusticia

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Hoje, Amado pertence a Som Livre, que o convidou para lançar seu novo trabalho: um disco inédito com os hits Meu Ex-AmorAmor PerfeitoPrincesa, dentre outros, que serão convertidos em espanhol, para abrilhantar mais o nosso Amado e seu público.

Na semana passada, em entrevista para Fábio Porchat, ele contou por que foi preso e torturado na época do Regime Militar.

— Prefiro a ditadura a essa anarquia que está hoje. Adoro a democracia, mas como nos Estados Unidos, onde as leis são cumpridas.

Após sua participação no programa, o cantor teve um bate-papo divertido com o amigo de 20 anos, o jornalista Zacarias Pagnanelli.

Fonte: R7

comentar

últimos comentarios

Seja o primeiro a comentar, complete o formulário ao lado e dê sua opinião.