Quarta-Feira | 8 de Junho de 2016 | 23h43

Festa junina, a mais brasileira das festas!!

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Bem vindo mês de junho! Este ano tem sido um tanto quanto peculiar. Acontecimentos históricos tomam conta de todas as formas de mídia, com a sujeira da política e as Olimpíadas que acontecerão pela primeira vez na América do Sul, sobra pouco espaço pra lembrar as tradicionais festas juninas.

As quermesses de fundo de igrejas se multiplicam e é sempre imprescindível que exista um palco para divertir a festança.

Poucas pessoas imaginam, mas muita gente decide tomar o rumo da música com a oportunidade que acontece nesta época do ano. Festas nos palcos das escolas, festa da pizza, festa do sorvete, enfim, onde houver público e qualquer palco, por mais simples que seja, este horizonte se abre e vidas mudam com a música ... Digo isto por experiência própria.

Sempre que pensamos numa festa “brasileira”, a primeira coisa que nos vem a cabeça é o Carnaval, mas ele não atinge proporções tão nacionais quanto as Festas Juninas. Do interior do Nordeste até o Chuí, mesmo nas menores cidadezinhas, alguma barraquinha vai estar montada, algum Bingo vai rolar e com certeza artistas se apresentarão, vestidos de chapéu de palha e roupa xadrez ou não.

Imitar a fala e os costumes de quem vive no interior virou motivo de orgulho e não somente uma “tiração de sarro”.

As colônias portuguesas e italianas que foram para os interiores do Brasil, levaram consigo a tradição de festejar seus santos (Sto. Antônio, S. João e S.Pedro)em volta das fogueiras com suas melhores roupas. Os casais aproveitavam esta época festiva para celebrarem seus casamentos e aí a Quadrilha já estava pronta.

O Nordeste Brasileiro vive ansioso aguardando esta época do ano para viver seu tempo de festa absoluto.

Os shows pequeninos e mega festas como as de Caruarú,  acontecem ao mesmo tempo por todo país e a música, principalmente sertaneja e o forró, tomam conta do cenário.

Não é uma questão de “pão e circo”, pois todos sabemos os problemas pelos quais nossa nação está passando, mas a música continua alimentando esperanças e vidas, gerando emprego e trazendo um pouco de alegria para ajudar nos tempos difíceis.

Pinte a barba com carvão, sorria, torça pro coelho entrar na casinha certa, coloque uma calça jeans velha, coma paçoca, milho, pamonha e cuscuz, assista a quadrilha da escola do seu filho, participe de uma quadrilha, jogue argola na garrafa e ganhe uma bola gigante, tome quentão e incentive os bons músicos, a boa música e não deixe nossa cultura se evaporar!!!! Boas Festas Juninas pra todos vocês!

 

 

 

comentar

últimos comentarios

Seja o primeiro a comentar, complete o formulário ao lado e dê sua opinião.